sexta-feira, 26 de outubro de 2012

Brotando Culpa




Lembro-me de quando eu gostava de dormir, era prazeroso pra mim, um tipo de fuga da realidade. Depois de alguns anos eu já não dormia muito bem, então comecei a tomar um remédio para os nervos ele me fazia ter sonhos vívidos, pareciam muito reais. Mas há alguns dias meus sonhos estão estranhos e minha vida bagunçada. Eles evoluíram para sonhos violentos e bizarros, em que eu testemunho os meus amigos e familiares sendo mortos. Eu acordava sempre suado e ofegante, eu não podia mais continuar assim, então parei de tomar os remédios.




Ontem tive um sonho de outro calibre era mais surreal. Eu sou um soldado, estava em uma selva, vejo inimigos, mas eles não me veem. Eu caio em cima deles e corto suas gargantas, suavemente e facilmente. Viro-me para ver os meus companheiros, e eles estão um olhar chocado em seus rostos. Eu me viro para olhar para os corpos de meus inimigos, e encontro os corpos mortos de minha família... Esses poucos segundos em que encaro aquela atrocidade, parecem durar horas, e em seguida, eu acordo.

Eu fiquei transtornado, eu não conseguia dormir sem ter esses pesadelos e no final minha família sempre aparecia morta. Aquele dia passou se arrastando, eu estava exausto, queria mais que tudo dormir, então dei mais uma chance á meu travesseiro.

Peguei-me sonhando novamente. Eu estou na janela de uma casa, observando algumas crianças brincando com um jogo de tabuleiro. Eu estou segurando uma faca, então de repente eu atravesso a janela e com a maior facilidade do mundo quebro os pescoços das crianças e com a faca retiro seu intestino grosso para fora e amarro todos eles juntos, com os intestinos. Eu então ouço um barulho na porta da sala em que eu e as crianças mortas estamos. Eu me viro e vejo os pais delas me olhando chocados e chorando, eu me viro novamente para os corpos para ver minha família morta, olhando para mim... O que eu fiz?!NÃAAOO!!!
Novamente, o tempo parece desacelerar até que eu acordo ofegante e em pânico.

Mas á quem estou tentando enganando?!! Eu sou apenas um serial killer. Eu simplesmente revelo meus maiores desejos em meus sonhos. Como quando sonhei com uma menininha andando com um olhar de superioridade e no momento seguinte eu á agarrei e esmaguei seu crânio no asfalto, até que eu não pudesse ouvir mais seus gritos, nem gemidos, apenas sentir seu sangue de minhas mãos.

Em outro sonho eu pego uma senhora muito idosa, que me bateu com uma bengala por esbarrar nela, e empurro sua cabeça sob a água, ela luta para retirar a cabeça da água, mas eu sou mais forte, ela se debate, me arranha, mas eu a sufoco até que a ultima bolha suba á superfície, e o seu coração palpite pela ultima vez.

Não, NÃO !!! Eu tenho que parar de ter essas ideias!!!!

Se eu quiser ter minha liberdade condicional, e sair desta cela imunda eu tenho que me controlar.
Meu oficial de condicional disse que o primeiro passo para liberdade, é sentir a consciência pesada, e me sentir culpado pelos meus atos...

Espero começar á sentir isso logo...




Porque o único desejo que tenho é de fazer mais alguns corações pararem de bater...

3 comentários:

  1. ^_^ ele é tipo um Jeff mas noob e bobão ah e muito noob pq ele foi preso! aheuahue num se é muita neurose '-' mas esse cara é um idiota mesmo !
    Ps: Otimo Blog!

    ResponderExcluir
  2. nossa Dimas,cala boca......
    creepy ótima,querer compara-la com Jeff?
    Que é um lixo de creepy???

    ResponderExcluir
  3. Jeff é maneiro, essa creepy é legal, mas, poderia ser melhor se ele virasse algo dos nossos sonhos e quisesse matar a gente ashuahsuahsush *u*

    ResponderExcluir